Home » Cadeia do Leite » Leite UHT se desvaloriza mais de 40% em um ano

Leite UHT se desvaloriza mais de 40% em um ano

23/08/2017 11:12:11 - Por: Cepea-Esalq/USP

Com o aumento da produção no campo, as expectativas dos agentes do setor são de reduções nos valores tanto da matéria-prima quanto dos derivados nos próximos meses.

Responsive image
E m julho, o preço do leite UHT teve média de R$ 2,38/ litro no mercado atacadista de São Paulo, baixa de 5,46% frente ao mês anterior (R$ 2,52/l) e de 42% na comparação com julho de 2016 (R$ 4,11/l). O queijo muçarela, por sua vez, se desvalorizou 3,2% entre junho e julho, registrando preço médio de R$ 15,30/kg em julho. Em relação ao mesmo período de 2016, a queda é de 30,64%. A pesquisa diária de preços é realizada pelo Cepea e tem apoio financeiro da OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras).

As cotações de outros lácteos também caíram (Tabela 2). De acordo com a pesquisa quinzenal de derivados, na “Média Brasil” (composta por SP, MG, GO, PR e RS), o leite pasteurizado foi cotado a R$ 2,24/l; o leite UHT a R$ 2,27/l; o leite em pó (sachê 400 gramas) a R$ 15,55/kg; o queijo prato, a R$ 17,63/ kg; o queijo muçarela, a R$ 16,60/kg e a manteiga (pote 200 gramas), a R$ 24,77/kg.

O cenário baixista dos preços dos lácteos reflete a demanda enfraquecida e o aumento da captação de leite, sendo que os preços negociados de leite cru (leite spot) diminuíram 6,67% entre junho e julho, com média nacional de R$ 1,29/litro em julho. O produto, assim como o UHT, é um bom balizador para as movimentações do mercado de leite.


Com o aumento da produção no campo, as expectativas dos agentes do setor são de reduções nos valores tanto da matéria-prima quanto dos derivados nos próximos meses.