Home » Cadeia do Leite » Yakult pesquisa efeitos de probióticos sobre a saúde mental

Yakult pesquisa efeitos de probióticos sobre a saúde mental

18/10/2017 10:15:58 - Por: Dairy Reporter, traduzidas pela Equipe MilkPoint.

A Yakult planeja investigar os efeitos do consumo de probióticos nas condições de saúde mental, após resultados positivos de um estudo inicial em relação ao estresse físico.

Responsive image
A Yakult planeja investigar os efeitos do consumo de probióticos nas condições de saúde mental, após resultados positivos de um estudo inicial em relação ao estresse físico. Falando na primeira cúpula da Probiota Asia, o pesquisador sênior da empresa, Toshihisa Ota, delineou a vasta gama de testes que apresentaram o Lactobacillus Casei Shirota (LcS) da Yakult em seus 80 anos de história. Ele apontou resultados positivos para a saúde intestinal, diabetes, doença do intestino irritável, imunidade e cuidados com o câncer. Mas ele disse que a saúde cognitiva, e especialmente a saúde mental, agora deveria ser examinada de forma mais aprofundada.

Em sua apresentação, ele focou em um estudo recente que mostrou os efeitos benéficos da cepa em indivíduos com estresse físico. Ota elaborou três ensaios duplo-cegos, controlados por placebo, conduzidos para examinar os efeitos dos probióticos nas respostas de estresse psicológico e fisiológico em estudantes de medicina saudáveis que enfrentam estresse em provas.

Supressão do estresse

Os indivíduos receberam leite fermentado com LcS ou placebo diariamente durante oito semanas antes de fazer um exame nacional. Os escores de ansiedade subjetiva, os níveis de cortisol salivar e a presença de sintomas físicos durante a intervenção foram coletados e analisados. "Aumentos acadêmicos induzidos pelo estresse nos níveis de cortisol salivares e a taxa de sintomas físicos foram significativamente suprimidas no grupo de probióticos", disse Ota.

Por outro lado, estudos realizados com ratos sugeriram que os probióticos suprimiram os aumentos da corticosterona plasmática induzida pelos estresse de evasão de água. O artigo, publicado na revista Neurogastroenterol Motility, afirmou: "Essas descobertas sugerem que o LcS pode prevenir a hipersecreção de cortisol e sintomas físicos em condições estressantes, possivelmente através da sinalização aferente vagal para o cérebro e redução da reatividade ao estresse no núcleo paraventricular".

Ota disse na cúpula, organizada pela NutraIngredients-Asia e realizada em Cingapura, que pesquisas futuras poderiam avaliar o impacto dessa cepa na depressão e no autismo. "Temos 80 anos de história atrás de nós, mas ainda não sabemos sobre os efeitos positivos do Yakult", acrescentou. Ota disse que o Yakult possui institutos de pesquisa no Japão e na Europa, enquanto a cepa Shirota agora tem mais de 100 artigos publicados.