Home » Cadeia do Leite » Falta de quórum cancela assembleia de credores da Shefa

Falta de quórum cancela assembleia de credores da Shefa

24/01/2018 09:34:26 - Por: Valor Econômico

Nova assembleia do laticínio será convocada para o próximo dia 1º de fevereiro.

Responsive image
A assembleia geral de credores da Agropecuária Tuiuti, dona da Shefa, marcada para ontem (23) não foi instalada por falta de quórum. Com isso, a assembleia será convocada agora no próximo dia 1o de fevereiro. O laticínio pediu recuperação judicial em janeiro do ano passado, com dívidas de cerca de R$ 220 milhões.

No dia 12 deste mês, o juiz Fernando Leonardi Campanella, da 1a Vara do Foro de Amparo (SP), determinou que a BS Factoring, uma das maiores credoras na recuperação judicial da Agropecuária Tuiuti, não poderá votar na assembleia geral de credores.

A decisão é resultado de uma apuração realizada após pedido de impugnação de créditos da BS Factoring — controlada por Francisco Benedito Silveira — feito pela fundo Kobold Mercantis e Financeiros, também credor da Shefa. Para o fundo, os créditos da BS na recuperação judicial da empresa seriam uma fraude. Na lista de credores do laticínio, a BS aparece como detentora de crédito de R$ 35 milhões, com garantia real, e de R$ 47,7 milhões, sem garantia.

A decisão de Campanella se baseou em elementos obtidos em incidente processual paralelo ao pedido de recuperação judicial, “que revelam severos e suficientes indícios de fraude na formação do crédito da empresa BS Factoring, inclusive na própria aquisição da totalidade das ações da empresa”.

Em sua conclusão, o juiz afirma que “pelos elementos colhidos, Francisco [Silveira] pode ser reputado como controlador da recuperanda e, nessa condição, (...) sua empresa B.S. Factoring está vedada de votar na assembleia geral de credores”.