Home » Cadeia do Leite » Preço do leite tem queda de 2,4% em Santa Catarina

Preço do leite tem queda de 2,4% em Santa Catarina

29/01/2018 09:11:54 - Por: Estadão Conteúdo

As cotações do leite estão nos mesmos níveis de 2013. Os produtores rurais estão trabalhando no vermelho. E a culpa não é das indústrias.

Responsive image
O preço do leite entregue em janeiro pelo produtor de Santa Catarina, para processamento industrial, a ser pago em fevereiro pelos laticínios, terá uma redução de 2 centavos em cada litro nos valores de referência, ou seja, queda de 2,4%. Os valores projetados são de R$ 1,0985 o litro (leite acima do padrão); R$ 0,9552 (leite padrão) e R$ 0,8684 (abaixo do padrão). Os valores se referem ao leite posto na propriedade com Funrural incluso, informa o Conselho Paritário Produtor/Indústrias de Leite do Estado de Santa Catarina (Conseleite/SC).

Conforme o conselho, as cotações do leite estão nos mesmos níveis de 2013. Os produtores rurais estão trabalhando no vermelho. E a culpa não é das indústrias. Segundo o Conseleite, o baixo nível de consumo é o principal motivo da queda dos preços. As indústrias estão estocadas e o consumidor, neste período de verão, prefere outras bebidas, como águas com sabor, refrigerantes e cervejas. Reflexo disso é os supermercados fazerem promoções para venda dos estoques, ofertando o leite longa vida a menos de R$ 2 a unidade.

Os custos de produção estão em cerca de R$ 1,30 o litro e a remuneração, no mercado está um pouco acima de R$ 1. "O desânimo começa a tomar conta dos produtores que vão, aos poucos, abandonando a atividade", relata o vice-presidente do Conseleite e também vice-presidente regional da Federação da Agricultura e Pecuária de Santa Catarina (Faesc), Adelar Maximiliano Zimmer.

"Estamos em uma fase em que nem o produtor rural nem as indústrias estão ganhando. Estamos todos no prejuízo", informa Zimmer, ressaltando que somente a embalagem tetrapak das caixinhas de leite custa perto de 25% do valor de venda no varejo. A Faesc espera uma lenta recuperação, mas avalia que somente a retomada do consumo em grande escala e as exportações irão recompor a rentabilidade da cadeia produtiva de lácteos.




hacklink child porno hacklink medyum beylikdüzü escort chip satışı zynga chip zynga chip chip satışı istanbul evden eve nakliyat sancaktepe evden eve nakliyat mersin escort astropay astropay bozum astropay bozdurma paykasa sisli escort bayan