Home » Cadeia do Leite » FAO: índice de preços de produtos lácteos declina 2,4% frente a dezembro de 2017

FAO: índice de preços de produtos lácteos declina 2,4% frente a dezembro de 2017

02/02/2018 09:38:49 - Por: FAO, traduzidas pela Equipe MilkPoint

Ofertas abundantes de leite no hemisfério norte e na Austrália representaram um fator que influenciou fortemente os preços globais dos produtos lácteos.

Responsive image
O índice de preços dos alimentos da Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) atingiu a média de 169,5 pontos em janeiro de 2018, quase sem alteração em relação a dezembro de 2017, mas quase 3% abaixo do mesmo mês do ano passado. Enquanto preços mais firmes foram registrados para cereais e óleos vegetais em janeiro, os valores de lácteos e açúcares foram mais fracos de forma geral e os preços das carnes permaneceram estáveis.

O Índice de Preços de Produtos Lácteos da FAO ficou em média em 179,9 pontos em janeiro, 2,4% (4,5 pontos) a menos em relação a dezembro de 2017. Embora este declínio tenha diminuído o índice pelo quarto mês consecutivo, ele ainda é 41% maior que o alcançado em abril de 2016. Durante o mês, os preços internacionais para manteiga e queijo caíram, enquanto os preços do leite em pó aumentaram.


Ofertas abundantes de leite no hemisfério norte e na Austrália representaram um fator que influenciou fortemente os preços globais dos produtos lácteos, incluindo declínios nos preços da manteiga e dos queijos. No entanto, a possibilidade de a produção sazonal de leite na Nova Zelândia ser inferior ao esperado apoiou os preços do leite em pó integral. Os valores do leite em pó desnatado também aumentaram, principalmente devido à forte demanda de importação.