Home » Cadeia do Leite » Feira em Guaxupé/MG apresentará a agricultores benefícios com adoção do Compost Barn

Feira em Guaxupé/MG apresentará a agricultores benefícios com adoção do Compost Barn

19/02/2018 09:22:49 - Por: Diário do Comércio

De 21 a 23 de fevereiro, promovida pela Cooperativa Regional de Cafeicultores, acontecerá a 17ª Feira de Máquinas, Implementos e Insumos Agrícolas.

Responsive image
De 21 a 23 de fevereiro, os produtores rurais do Sul de Minas Gerais e da média mogiana do estado de São Paulo – importantes regiões de bacia leiteira – encontrarão na 17ª Feira de Máquinas, Implementos e Insumos Agrícolas (Femagri) novidades em estrutura de produção que integra café e leite. O Compost Barn, um sistema de confinamento de vacas leiteiras que começou na década de 80, nos Estados Unidos, e que vem ganhando força nas propriedades agrícolas brasileiras, será apresentado durante a feira promovida pela Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé (Cooxupé), em Guaxupé, Sul de Minas.

“Muitos dos nossos cooperados trabalham com as produções de café e leite, refletindo uma realidade muito forte da região e uma alternativa econômica eficiente para quem vive do agronegócio. Por isso, neste ano, trouxemos este tema para que eles conheçam novas possibilidades para ganhar mais eficiência em seus negócios”, destaca o presidente da cooperativa, Carlos Paulino.

O Compost Barn é uma instalação rural feita em uma área coberta, com uma cama para as vacas feita com serragem e esterco incorporado e compostado. O processo de compostagem cria uma cama seca, confortável e limpa para o animal. Este tipo de alojamento ainda oferece maior espaço para descanso, e entre os principais ganhos estão melhores índices reprodutivos, melhoria na qualidade do leite, a redução do casco devido à liberdade de movimento e mais maciez em relação a outros sistemas como o free stall, em que a cama é feita com areia, entre outros.

“As principais vantagens ao produtor são uma maior produção de leite, com maior eficiência alimentar, além de números reprodutivos e sanitários melhores. O maior benefício para as vacas são a facilidade de adaptação, a menor quantidade de lesões e maior longevidade”, pontua o médico veterinário e consultor Adriano Seddon, pioneiro em adaptar o Compost Barn no Brasil e que estará na Femagri ministrando palestra sobre o tema.

Segundo ele, em média, o Compost Barn é 20% mais barato que o sistema de free stall, usado normalmente em propriedades. “Vale destacar também que este sistema produz uma grande quantidade de composto que é altamente benéfico para o solo”, completa. Supervisor de mercado agropecuário da Cooxupé e médico veterinário, Sérgio Ribeiro Cruvinel conta que na região da cooperativa a palha de café como cama está sendo utilizada no lugar da serragem. “E estamos tendo muito sucesso. Após um período, o composto volta à agricultura em lavouras de milho, pastagem e café, fornecendo matéria orgânica ao solo”, antecipa.

Novidades - Para a integração café/leite na feira, a Cooxupé ampliou o Espaço Pecuária, confirmando para este ano a demonstração de animais de elite leiteira e de corte e a realização do 1º simpósio “Leite, Café e Prosa”, com palestras que irão abordar novas técnicas sobre o manejo de gado leiteiro.

Além do Compost Barn, o simpósio apresentará palestras de outros temas integrados como a nutrição das vacas leiteiras no pré-parto, com o consultor da Cargill, Alexandre Pedroso. Segundo ele, a nutrição do animal e os bons cuidados neste período são essenciais para um bom desempenho produtivo e reprodutivo. “Vamos falar sobre os principais cuidados que todo produtor deve ter com os animais e os principais erros cometidos. As questões de nutrição, alimentação e conforto animal são fundamentais para que eles tenham saúde, sejam eficientes e lucrativos”, explica.