Home » Cadeia do Leite » Cosulati expõe sua situação

Cosulati expõe sua situação

12/05/2017 10:00:06 - Por: Correio do Povo.

Segundo o diretor administrativo da Cosulati, Airton Seyffert, as dívidas tributárias, com fornecedores e com instituições financeiras, entre outras, são de R$ 188 milhões.

Responsive image
Os associados apreciaram o Plano de Recuperação e Saneamento e tomaram conhecimento do andamento da reestruturação da Cosulati, que inclui redução de custos e revisão de contratos em assembleia nesta semana em Capão do Leão. 

Segundo o diretor administrativo da Cosulati, Airton Seyffert, as dívidas tributárias, com fornecedores e com instituições financeiras, entre outras, são de R$ 188 milhões. A reunião também homologou a relação de credores e devedores. Nos últimos seis meses, a cooperativa recuperou ativos de R$ 5,5 milhões. 

Entenda o caso: 

A Cooperativa Sul-Rio-Grandense de Laticínios (Cosulati), com sede em Pelotas, entrou em 2016 em processo de autoliquidação. Em dificuldades financeiras desde o final do ano passado, a cooperativa com 2,9 mil associados em 45 municípios gaúchos acumulou dívidas superiores a R$ 90 milhões.

Fundada há mais de 40 anos, a Cosulati é fabricante de leite UHT e de derivados lácteos da marca Danby. Além da unidade de processamento em Capão do Leão, a cooperativa tem um frigorífico de aves em Morro Redondo e uma fábrica de ração em Canguçu. Ambas deixaram de operar neste ano. Lojas de insumos agrícolas e supermercados também foram fechados ao longo de 2016. O patrimônio é avaliado em R$ 130 milhões. 

As dificuldades financeiras enfrentadas pela cooperativa, segundo Krug, decorrem do momento econômico vivido pelo país e, principalmente, da queda na produção de leite no Estado neste ano. Com capacidade para processar 1 milhão de litros diários, a unidade da Cosulati está recebendo apenas 350 mil litros por dia.