Home » Cadeia do Leite » Jovem, empreendedor e produtor rural de sucesso

Jovem, empreendedor e produtor rural de sucesso

31/07/2017 10:01:58 - Por: Cenário MT. Foto: Divulgação

A propriedade passou por um processo de reestruturação em 2011 e viu a sua produção crescer mais de 500% em cinco anos.

Responsive image

Representante de Santa Catarina na 2ª edição do CNA Jovem, Rafael Schuster sintetiza o que se pode chamar de modelo de jovem produtor. Rafael atua em todas as funções, porém dedica maior parte do seu tempo na administração e no planejamento da Estância Ara’s. Ele cuida, principalmente, da implantação de novos projetos e do desenvolvimento dos processos dentro da cadeia de produção de leite. “Sempre buscando inovações e novas formas de melhorar os processos da atividade fora da porteira”, ressalta o jovem.

Rafael está colocando em prática alguns dos conhecimentos adquiridos durante o CNA Jovem, principalmente na parte de empreendedorismo e gestão. Juntamente com os pais, Silvênio e Sibila, ele transformou a propriedade da família numa Unidade de Referência Tecnológica (URT) em bovinocultura de leite.

Localizada em São Carlos (a 600 km de Florianópolis), a Estância Ara’s tem como principal atividade a produção de leite de qualidade com animais da raça holandesa. A propriedade passou por um processo de reestruturação em 2011 e viu a sua produção crescer mais de 500% em cinco anos. Desde então, a fazenda começou a receber visitas técnicas e promover dias de campo. As visitas são agendadas a partir do interesse das entidades em procurar novas tecnologias e aprimorar os seus conhecimentos na área, tendo como público alvo estudantes de ciências agrárias e agricultores da mesma área.

Um grupo de produtores atendidos pela Assistência Técnica e Gerencial do SENAR (ATeG) em bovinocultura de leite, de Ouro Verde (SC), já participou dessa experiência. Acompanhados pela instrutora do SENAR-SC, Talita Cristina Taffarel, eles foram até a propriedade da família Schuster – considerada conceito pela Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina (Epagri) – para conhecer as tecnologias e manejos adotados e, posteriormente, tentar adaptar nas suas propriedades.

“A proposta de visitar a propriedade foi também para mostrar a sucessão familiar que ocorreu lá e como ela ocorreu, para incentivar e mostrar aos mais jovens a importância de trabalharem em sociedade com os pais para, futuramente, poderem assumir a atividade”, reforça Talita.


Parceria antiga

A relação de Rafael com o SENAR começou em 2010, quando ele participou do Programa Empreendedor Rural (PER). “Com o SENAR presente em minha vida desde a reestruturação, as coisas andaram muito mais fáceis. A atividade teve uma crescente muito grande com a aplicação do conhecimento adquirido e aplicado sucessivamente”.

Em 2016, o administrador de empresas foi selecionado para fazer parte da etapa estadual do programa CNA Jovem, onde ele desenvolveu um plano de ação chamado “Gestão de água e solo em Sistema Silvipastoril”. Classificado como um dos quatro vencedores do estado, ele representou Santa Catarina na etapa nacional do programa. Em Brasília, o seu projeto de liderança teve como título “Inovação tecnológica porteira a dentro e universidade a fora”.

“O foco é buscar alunos de universidades para promover estágio dentro da propriedade. Atualmente já atuam na nossa estância estagiários ligados a atividade, completando assim o início do projeto”, revela.