Home » Cadeia do Leite » Emmi adquire participação majoritária na Leeb Biomilch, que produz lácteos de ovinos e caprinos

Emmi adquire participação majoritária na Leeb Biomilch, que produz lácteos de ovinos e caprinos

04/04/2019 10:35:51 - Por: Dairy Reporter, traduzidas pela Equipe MilkPoint

A Emmi entrou no negócio de produtos de leite de cabra em 2010 por meio da aquisição da empresa californiana Cypress Grove e da marca suíça Le Petit Chevrier.

Responsive image
A empresa suíça de laticínios Emmi vem expandindo gradualmente sua rede internacional de leite de cabra desde 2010. A empresa adquiriu agora uma participação de 66% na processadora austríaca de lácteos oriundos de caprinos e ovinos, a Leeb Biomilch GmbH. A aquisição também expande a linha de produtos veganos e orgânicos da Emmi.

A Emmi entrou no negócio de produtos de leite de cabra em 2010 por meio da aquisição da empresa californiana Cypress Grove e da marca suíça Le Petit Chevrier. A experiência positiva neste segmento levou a Emmi a fortalecer gradualmente sua posição no nicho. A rede de leite de cabra da Emmi agora inclui dois processadores de leite de cabra nos EUA (Cypress Grove, Redwood Hill), três na Europa (Bettinehoeve, Holanda; Goat Milk Powder, Holanda e Lácteos Caprinos, Espanha) e AVH Dairy, uma empresa global de comércio também com sede na Holanda.

Urs Riedener, CEO do Emmi Group, disse: “a Leeb Biomilch GmbH não é apenas uma boa opção para a Emmi com base nos produtos lácteos de cabra, mas também no claro compromisso com a qualidade, inovação e sustentabilidade”.

A Leeb Biomilch, com sede em Wartberg, na Áustria, foi fundada em 2001 pelo engenheiro austríaco de alimentos Hubert Leeb. Jörg Hackenbuchner ingressou na empresa em 2007 para impulsionar o crescimento. A empresa estabeleceu uma posição de liderança na Europa para produtos lácteos orgânicos de cabra e ovelha em leite fresco e leite UHT, bebidas lácteas e iogurte. Possui 50 funcionários e gera vendas anuais de aproximadamente € 15 milhões (US$ 16,8 milhões).

O modelo de negócio da Leeb Biomilch se concentra em produtos lácteos e produtos frescos (especialmente iogurte) feitos de leite orgânico de ovelha e cabra orgânica, provenientes de cerca de 100 agricultores orgânicos austríacos. A Leeb Biomilch possui metade das suas vendas na Áustria. Outros mercados importantes incluem a Alemanha e a Holanda, onde colabora com as subsidiárias da Emmi, AVH Dairy e Bettinehoeve, entre outras.

Leeb e Hackenbuchner decidiram construir uma segunda linha de negócios em alternativas de bebidas veganas em 2016. Os produtos veganos sob a marca MyLove-MyLife são feitos a partir de ingredientes orgânicos - amêndoas, coco e aveia. A aveia da Áustria e amêndoas da Sicília atendem os requisitos de sustentabilidade da empresa e as alternativas são distribuídas pela Hale GmbH. Os mercados mais importantes para esses produtos são varejistas na Alemanha e na Áustria.

Leeb e Hackenbuchner permanecerão em seus cargos de diretor administrativo e reterão 34% da empresa. Leeb disse: "ao vender a participação majoritária à Emmi, pretendemos impulsionar ainda mais o seu crescimento". A transação deverá ser concluída no verão de 2019, sujeita à aprovação da Autoridade da Competição Federal da Áustria. As partes concordaram em não divulgar o preço de compra.