Home » Cadeia do Leite » Queijo Manchego bloqueia acordo econômico entre UE e o México

Queijo Manchego bloqueia acordo econômico entre UE e o México

17/01/2018 10:50:48 - Por: Sabado/PT

O nome do queijo de ovelha espanhol é usado no México para designar um queijo de qualidade menor. Os mexicanos culpam os conquistadores espanhóis.

Responsive image
O México e a União Europeia estão a renegociar o acordo comercial que assinaram em 2000, mas as negociações, cuja conclusão estava prevista para antes do Natal do ano passado, estão bloqueadas por causa de um queijo espanhol.

Espanhóis e mexicanos usam a mesma palavra, Manchego, para designar queijos, mas as diferenças entre os produtos são grandes. O queijo Manchego espanhol é de leite de ovelha e é um produto gourmet protegido com denominação de origem em La Mancha.

Já o Manchego mexicano é um queijo de vaca de qualidade menor, feito também com óleo vegetal, e que é usado sobretudo nas quesadillas – uma tortilha de milho com queijo.

Os espanhóis querem que os mexicanos deixam de usar a palavra manchego para o queijo que vendem e só viabilizam o acordo se isso acontecer.

"O manchego mexicano é um queijo de vaca insípido que às vezes nem se parece com queijo porque é vendido à fatia para fazer sandes", argumentou Ismael Álvarez de Toledo, presidente da Confraria do Queijo Manchego. "A única coisa que tem em comum com o nosso queijo é o nome e é falso."

Já os mexicanos não compreendem porque têm de alterar o nome de um produto que, segundo os próprios, é assim designado desde sempre. Mais, cujo nome foi levado pelos conquistadores espanhóis para o continente americano há 500 anos.

"Que outro nome usariam se não algo do seu país de origem. Foram os europeus que deram este nome ao queijo. Não nenhuma tentativa de enganar alguém", garantiu René Fonseca, diretor-geral da Câmara Nacional da Indústria do Leite mexicana.

O conflito está para durar e nem a intervenção do ministro da Economia mexicano, que no mês passado esteve três dias em Bruxelas a tentar desbloquear o acordo, conseguiu resolver o impasse.

Os espanhóis não cedem com receio que a qualidade do produto associado ao nome se perca em países vizinhos do México, sobretudo os Estados Unidos.

"Se eu tentar vender o queijo em Miami e disser Tenho aqui o nosso manchego a 12 euros o quilo, as pessoas vão dizer. Mas eu consigo comprar manchego por 5 euros o quilo, explicou Ismael Álvarez de Toledo.




hacklink child porno hacklink medyum beylikdüzü escort chip satışı zynga chip zynga chip chip satışı istanbul evden eve nakliyat sancaktepe evden eve nakliyat mersin escort astropay astropay bozum astropay bozdurma paykasa