Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/guialat/public_html/index.php:3) in /home/guialat/public_html/conecta.php on line 2

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /home/guialat/public_html/index.php:3) in /home/guialat/public_html/conecta.php on line 2
GuiaLat - A central dos fornecedores de laticínios 

Home » Cadeia do Leite » EUA: comercial da Arla Foods sobre leite gera polêmica por criticar o uso de rBST

EUA: comercial da Arla Foods sobre leite gera polêmica por criticar o uso de rBST

16/05/2017 10:10:59 - Por: Maggie Seiler, para a Hoards.com, traduzido pela Equipe MilkPoint

Na indústria de lácteos discutimos constantemente como vender mais produtos para mais pessoas.

Responsive image
"rBST e chifres afiados. Ele é tão alto que poderia comer nuvens. Você pode querer acariciá-lo, mas a pele dele é elétrica". Esta fala acompanha uma propaganda da Arla Foods na qual um monstro surge de uma tela escura com a seguinte introdução. “A Arla Cheese questionou às crianças: o que é rBST?"

O monstro rBST compõe um dos primeiros anúncios da empresa na campanha "live unprocessed" (viver de forma não processada, em uma tradução literal, fazendo alusão a uma vida mais natural) da Arla Cheese. 

O comercial termina com a imagem de uma mãe feliz e sua filha compartilhando um sanduíche - que apresenta o queijo da Arla - enquanto uma voz fala atrás: “O rBST é um hormônio de crescimento artificial dado para algumas vacas, mas não para as vacas que fazem o leite usado na fabricação dos queijos Arla. A nossa empresa não adiciona hormônios e nenhum outro material estranho”. 

Também, em um outro momento do anúncio aparece escrito em letras pequenas: “não foi demonstrada nenhuma diferença significativa entre o leite derivado de vacas tratadas ou não tratadas com rBST”. 

No meu ponto de vista, a Arla transformou em vilã uma tecnologia aprovada pela FDA (Food and Drug Administration). Mesmo para os produtores que não usam o rBST ou acham que isso é um ponto discutível, tópicos dos anúncios feitos dessa forma são importantes pontos de discussão.

Para o consumidor, qual é a diferença entre rBST e antibióticos? Qual é a diferença entre rBST e robôs não naturais que ordenham o leite? Qual é a próxima tecnologia em seus alimentos que não é natural e, portanto, equiparável a um monstro?

Na indústria de lácteos discutimos constantemente como vender mais produtos para mais pessoas. Anúncios como este caminham na direção oposta enquanto prejudicam os produtores que trabalham duro para encontrar tecnologias que beneficiem a fazenda e forneçam produtos de alta qualidade. 

Confira o vídeo: