Preço da soja recua no Brasil

19-06-2018 11:09:33 - Por: Diário do Comércio e Indústria

No geral, a colheita da segunda safra começou aos poucos em algumas regiões do Centro-Oeste, Sudeste e Sul.

Responsive image
O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) relata forte queda dos preços domésticos do complexo soja, citando, entre outros fatores, o câmbio e a estimativa de maior produção.

Diante disso e também da indefinição dos fretes mínimos, muitos produtores consultados pelo Cepea se afastaram do mercado, preferindo deixar o remanescente da safra estocado. “Vale ressaltar que boa parte da safra já havia sido negociada até o final de maio”, destacou o Cepea em nota.

Segundo levantamento do Cepea, entre 8 e 15 de junho, o Indicador ESALQ/ BM&FBovespa da soja Paranaguá (PR) recuou 3,8%, para R$ 83,52 por saca de 60 quilos na sexta-feira (15).

Milho

A maior oferta interna de milho mantém os preços do cereal em queda em todas as praças acompanhadas pelo Cepea. No geral, a colheita da segunda safra começou aos poucos em algumas regiões do Centro-Oeste, Sudeste e Sul. Assim, parte dos vendedores consultados pelo Cepea tenta escoar os estoques, visando liberar espaço para a entrada da segunda safra. Muitos compradores, no entanto, estão afastados do mercado, à espera do avanço da colheita. Na região de Campinas (SP), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa recuou 7,46 % em sete dias, a R$ 40,04 a saca de 60 kg. /Agências