Exportações de lácteos do Uruguai aumentaram 6% no primeiro semestre

12-07-2018 09:50:36 - Por: El País Digital, traduzidas e adaptadas pela Equipe MilkPoint

Resultado do aumento no volume de exportação de leite em pó integral, mas a um preço mais baixo.

Responsive image
As exportações de lácteos do Uruguai cresceram 6% no primeiro semestre de 2018 quando comparadas ao mesmo período do ano anterior como resultado do aumento no volume de exportação de leite em pó integral, mas a um preço mais baixo. As exportações de manteiga também aumentaram, com valores mais altos.

Segundo dados do Instituto Nacional do Leite (Inale), o preço médio do leite em pó integral no primeiro semestre foi de US$ 3.199, produto do qual recuperou 5% de seu valor entre dezembro de 2017 e o mês passado. Porém, registrou uma queda anual acumulada de 7%. Já o leite em pó desnatado não apresentou a mesma tendência. Seu preço médio foi de US$ 1.990 por tonelada, entre dezembro de 2017 e mês passado o valor caiu 27% e no acumulado anual a queda foi de 24%.

Os queijos foram avaliados com um preço médio de US$ 4.302 por tonelada, um valor que cresceu 5% nas datas das duas comparações anteriores. O preço da manteiga, por sua vez, foi de US$ 5.453 por tonelada e registrou um aumento anual acumulado de 16%.

O valor de negócios FOB do leite em pó integral neste primeiro semestre deste ano foi de US$ 171.898.000; o de leite em pó desnatado foi de US$ 10.271; o de queijos foi de US$ 61.749; e o de manteiga foi de US$ 31.929. O faturamento total do setor de lácteos uruguaio neste primeiro semestre foi de US$ 293.077.000.