Valor do queijo muçarela atinge recorde real da série do Cepea

21-08-2020 10:35:00 Por: Débora Zanatta e Beatriz Pina, em Boletim do Leite Cepea

Valor do queijo muçarela atinge recorde real da série do Cepea
Os estoques de derivados reduzidos seguiram sustentando em altos patamares as cotações dos lácteos no mercado atacadista do estado de São Paulo em julho. O destaque foi o queijo muçarela, que registrou consecutivas valorizações diárias ao longo do mês, fazendo com que o preço médio atingisse recorde real da série do Cepea, a R$ 24,95/kg em julho. O valor médio do derivado subiu 11,3% em relação ao mês anterior e 38,4% quando comparado a julho/19, em termos reais (os valores foram deflacionados pelo IPCA de julho/20). 

O preço do leite em pó (400g) também avançou pelo segundo mês consecutivo e a média de julho chegou a R$ 20,12/ kg, valor 1,69% maior que o do mês anterior e 49,7% acima do de julho/19, em termos reais. 

Agentes consultados na pesquisa realizada pelo Cepea, com o apoio financeiro da OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras), afirmaram que a demanda pela muçarela e pelo leite em pó esteve aquecida e que isso coincidiu com um momento de estoques reduzidos de ambos os produtos, tendo em vista a menor captação de leite no campo. Neste contexto de oferta limitada no campo e de maior concorrência das indústrias para a compra de matéria-prima, as cotações do preço do leite ao produtor se elevaram e essa alta foi repassada para o preço dos derivados. 

Contudo, esse repasse foi mais difícil de ser feito para o leite longa vida (UHT). É importante lembrar que o UHT é o lácteo mais consumido no Brasil, sendo um produto importante para os canais de distribuição realizarem promoções para atrair consumidores. Assim, em julho, este derivado registrou média mensal de R$ 3,18/ litro, leve recuo de 0,6% frente a junho/20, mas alta de 31,8% se comparada à de julho/19, em termos reais. 

AGOSTO – Os preços dos derivados continuaram em movimento altista na primeira quinzena de agosto, devido aos estoques reduzidos. Apesar de a demanda por UHT ter se enfraquecido levemente em relação às semanas anteriores, o preço do lácteo seguiu firme, com a média da parcial deste mês a R$ 3,41/litro. As negociações de muçarela e leite em pó continuaram aquecidas e os preços médios na primeira quinzena do mês chegaram a R$ 26,72/kg e R$ 22,94/kg, respectivamente.