Produtores no Rio Grande do Sul estão vendendo as vacas leiteiras para os frigoríficos Produtores no Rio Grande do Sul estão vendendo as vacas leiteiras para os frigoríficos

23-11-2020 10:06:21 - Por: Correio do Povo

Atraídos pela valorização do gado de corte e com uma alta nos custos de produção entre 35% e 40%, impulsionada principalmente pelo comportamento do milho.

Produtores no Rio Grande do Sul estão vendendo as vacas leiteiras para os frigoríficos
Os produtores de leite do Rio Grande do Sul estão trabalhando com uma alta nos custos entre 35% e 40%, impulsionada principalmente pelo comportamento do milho, em falta e com preços que se aproximam dos R$ 100. Para fazer caixa, muitos estão vendendo as vacas leiteiras para os frigoríficos, atraídos pela valorização do gado de corte. O vice-presidente da Fetag, Eugênio Zanetti, diz que ainda não é possível quantificar os produtores que estão descartando seu rebanho leiteiro, mas afirma que a prática está pulverizada pelo Estado. “Na segunda-feira, temos reunião com a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e vamos pedir que seja colocado no Estado milho da Conab, como forma de socorrer os produtores”, afirma.

Yago Machado, inspetor técnico da Associação de Criadores de Gado Holandês (Gadolando), diz que o descarte de vacas está ocorrendo com aqueles animais que estão na fase final do ciclo de lactação. Ele ressalta que os produtores não têm mais recursos para repor ração, já que o milho silagem armazenado está terminando e a safra 2019/2020 foi de grande frustração.