Custo de produção de leite registrou alta de 1,82% em agosto, com elevação de 39,7% em doze meses

17-09-2021 10:41:21 Por: CILeite. Foto: Marcos La Falce/Embrapa

Custo de produção de leite registrou alta de 1,82% em agosto, com elevação de 39,7% em doze meses
Em agosto, o custo de produzir leite voltou a subir com intensidade, variando 1,82%, conforme o Índice de Custos de Produção de Leite – ICPLeite/Embrapa1, calculado pela Embrapa Gado de Leite. A maior variação ocorreu no grupo Energia e combustíveis, com inflação de 7,55% motivada pelo reajuste nos preços dos combustíveis e da energia elétrica. Com variações maiores que a do indicador, os grupos Sal mineral, Produção e compra de volumosos e Alimentação concentrada, variaram respectivamente 4,89%, 3,06% e 2,67%. Após um mês de refresco, este último grupo voltou a apresentar inflação, devido aos preços dos grãos que valorizaram com as perdas da safra de inverno. O grupo Sanidade apresentou ajuste de 014%, sendo o último a apresentar variação positiva. Reprodução não sofreu alteração e os grupos Qualidade do leite e Mão de obra apresentaram deflação respectivamente de -0,33% e -2,58%. O resumo dos dados encontra-se na Tabela 1.

Tabela 1. Variação de custos de produção de leite, geral e por grupo. Agosto de 2021.

Custo de produção de leite registrou alta de 1,82% em agosto, com elevação de 39,7% em doze meses

Fonte: Embrapa Gado de Leite.

O segundo quadrimestre de 2021 acumulou alta de 18,37%. As maiores variações acumuladas continuaram a ser encontradas nos grupos referentes à alimentação e suplementação do rebanho e permanece na mesma ordem. Em primeiro lugar, o grupo Produção e compra de volumosos acumulou 41,71%; em segundo, o grupo Sal mineral, 24,39% e, em terceiro, o grupo Alimentação concentrada, acumulando 16,85%. A variação acumulada dos grupos Energia e combustível e Qualidade do leite também ficaram acima de duas casas decimais, apresentando 15,60% e 12,62%, respectivamente. Os dados encontram-se na Tabela 2.

Tabela 2. ICPLeite/Embrapa. Acumulado no ano 2021.

Custo de produção de leite registrou alta de 1,82% em agosto, com elevação de 39,7% em doze meses

Fonte: Embrapa Gado de Leite.

A variação acumulada do ICPLeite/Embrapa em doze meses foi de 39,72%, reduzindo em relação à verificada no mês anterior. Neste período, as maiores variações também foram encontradas nos grupos de alimentação e suplementação animal. O grupo Alimentação concentrada, voltou a subir e manteve a liderança da inflação, apresentando acumulado de 64,77%. O acumulado do grupo Produção e compra de volumosos foi 58,21%. Estes dois grupos apresentaram variação superior à do índice. A inflação acumulada do grupo Sal mineral foi de 28,00%. Os dados encontram-se na Tabela 3.

Tabela 3. ICPLeite/Embrapa. Acumulado nos últimos 12 meses.

Custo de produção de leite registrou alta de 1,82% em agosto, com elevação de 39,7% em doze meses

Fonte: Embrapa Gado de Leite.

As informações são do CILeite. Foto: Marcos La Falce/Embrapa.