Comprador afastado mantém preço do milho em queda

20-10-2021 10:37:57 Por: Carolina Camargo Nogueira Sales, Boletim do leite Cepea

Comprador afastado mantém preço do milho em queda
Os preços internos e externos do milho caíram na primeira quinzena de outubro. No Brasil, consumidores mantêm baixo o interesse de aquisição de novos lotes, de olho na melhora do clima, que tem favorecido a temporada de verão brasileira, e nas exportações desaquecidas. Nos Estados Unidos, a pressão vem do bom andamento da colheita naquele país e da expectativa de melhora nos estoques mundiais.

Diante disso, entre as médias de setembro e da primeira quinzena de outubro, houve queda de 1,5% no mercado de balcão (valor recebido pelo produtor) e de 1,8% no de lotes (negociações entre empresas). Já no acumulado da parcial de outubro, os recuos são de 2,4% e 2,1%, respectivamente.

Quanto ao Indicador ESALQ/BM&FBovespa, referente à região de Campinas (SP), a média da parcial de outubro (até o dia 15) é de R$ 91,19/saca de 60 kg, 1,4% inferior à de setembro. No acumulado do mês, o recuo é de 3,1%.


No mercado internacional, as estimativas de estoques passando de 297,62 milhões em setembro para 301,74 milhões de toneladas em outubro e a colheita em bom ritmo pressionaram as cotações. Na CME Group (Bolsa de Chicago), o vencimento Dez/21 se desvalorizou 2,05% entre 30 de setembro e 15 de outubro, indo para US$ 5,2575/bushel (US$ 206,98/t).